Publicado por: Filomena Barata | Julho 31, 2013

Álvaro Silva, As folhas que caem

fotografia do Álvaro Silva
Meus amigos, convosco partilho esta espontaneidade, sem prumos nem arrumos. Aos amigos a vénia pela complacência aos críticos minha mão a palmatória.

As folhas que caem
são como os dias
nas nossas vidas

São o tempo que passa
sem conta,
sem medida

as folhas que caem
são como os amigos que perdemos
e familiares que se foram

as folhas que caem
são como o tempo
que foi e não volta

são como os amores perdidos
no tempo que sentimos.
E que não volta.

só a saudade volta no tempo
Só as marcas da vida
não são como as folhas caídas.

as folhas que caem
São como a vida que se esfuma
nas curvas do destino
entre venturas e desventuras.

as folhas que caem
são como mágoas esquecidas
no tempo apagadas.

Varito.
Luanda 30-07-2013

Fotografias de Álvaro Silva


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: