Publicado por: Filomena Barata | Fevereiro 12, 2012

José Jacinto, Lisboa

Fotografia.Filomena-Barata

Imagem 

 
 
LISBOA

Lisboa já tanto te cantaram
Desde Olipso que te conheceram
os romanos que em ti acamparam
E os Mouros e Cruzados que por ti combateram.

Lisboa do Fado, onde as misturas
Dos cheiros da pimenta e da canela,
No passado te elevaran às alturas
Desde que deste à Luz a primeira caravela

E hoje tens marcadas nas tuas colinas
As proas das naus que a ti aportaram
Olhas o Tejo, teu menino traquinas
Nas margens de quem tantos olhos choraram

E sempre estiveste à frente
qual candeia que alumia duas vezes
Ainda és iluminas todas estas gentes
Que foram e são por dentro portugueses

Os últimos voltaram em 75, Retornados,
Espoliados, chegaram de Ponte aérea,
Desenraizados, mas por ti foram abraçados
E em troca tiraram-te essa cara séria.

Teus bairros históricos mantêm a fama
Das fadistagens e fidalguias de outrora
Na monarquia e na república és soberana
Neste reino que só dá comendas agora

Mas, serena olhas com naturalidade
Todas estas constantes evoluções
És a fonte de Camões e da Portugalidade
Cuja água fez crescer tantas nações

E ainda agora não há quem te resista
Atrais o Leste e a Terra Africana
A América também está na tua lista
Misturas Volga, Danúbio, Magrebe, Ganges, Savana.

Hoje és a mulher que eu desejo
Quando atravesso a ponte de Abril
Em Alcântara dás-me o primeiro Beijo
E à esquerda, ao longe acena o Estoril.

Depois, Janelas Verdes, Santos, Marginal
Cais do Sodré, Tejo e Eléctricos
Modernos, diferentes, no circuito habitual
Onde viajam menos optimistas mas mais cépticos

Terreiro do Paço, ou Praça do Comércio
Onde em Dezembro plantam uma árvore de natal
Que dizem ser a maior da Europa, e onde ouço
Música equatoriana, a par dum rancho nacional.

Baixa de Prata, banhada a Ouro
Encostada à Rua da Madalena
Já foste do negócio o tesouro
Hoje a Rua Augusta está mais serena!

24 de Julho, Docas, Jovens, música, aventura
que te devolveram de novo o teu rio
que te pega e a braça pela cintura
e dança contigo a Chula no Rossio

Martim Moniz, Reis, Praça da Figueira
Com som e comércio afro-asiático,
Onde se ouve quase só língua estrangeira
E o colorido das vestes é fantástico.

E tens à chegada e à partida
A estação azul de Sta. Apolónia
Pensão dos sem-abrigo, vida sofrida
E onde o taxista faz render a insónia.

E passeias sedutora na Liberdade
Pazendo ciúmes ao teu Marquês
Cujo leão de avançada idade
Guarda a Rotunda e o Parque do Inglês

Picoas, República, Saldanha, Campo Pequeno
Av. Do Roma, Areeiro, Loja do Chinês
No Semáforo pede esmola um romeno
E quem te arruma os carros é português.

Mas uma lágrima deixas cair de repente
Quando ao pé dos teus Anjos vês
A desgraça em que caiu o teu Itendente
Com prostituição e a droga que o desfez.

E entristeces-te com a toxicodependência
Que grassa nalguns dos teus bairros e ruas
E porque nas Discos, as portadas batem com violência
Em quem quer entrar e dançar depois das duas

mas voltas-te e sorris toda vaidosa
com a beleza da tua parte oriental
Recordas a EXPO que te tornou famosa
E te deu fama passageira e mundial.

Gosto de ti ao sábado e ao Domingo
Quando é mais fácil passar a Portagem
Até o Tejo, em baixo, fica mais lindo
E vou aos museus e à Torre de Menagem.

Tens Sinagoga Terreiro e Mesquita
Igreja e Templo Hindu e Budista
Para todos Eles és bendita
E esta é a tua maior conquista.

E tens tantas belezas naturais
Em Monsanto a apodrecer
Mas não me apetece esvrever mais
O melhor é virem-te conhecer e ver.

É rima pobre mas não me importo
De a utilizar se me emociono
O que mesmo não suporto
É a escrita rica que leva ao sono

José jacinto


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: