Publicado por: Filomena Barata | Abril 18, 2010

Recordar o poeta Al-berto em Sines …

>http://ccemmericonunes.blogspot.com

Posted by Picasa
Posted by Picasa
Posted by Picasa
Posted by Picasa
Posted by Picasa

Uma belíssima exposição que lhe foi dedicada, no Centro Cultural Emmerico Nunes, em Sines!

Vale a pena conhecer a vida e obra deste poeta.

A escrita é a minha primeira morada de silêncio

a segunda irrompe do corpo movendo-se por trás das palavras

extensas praias vazias onde o mar nunca chegou

deserto onde os dedos murmuram o último crime

escrever-te continuamente… areia e mais areia

construindo no sangue altíssimas paredes de nada

 

esta paixão pelos objectos que guardaste

esta pele-memória exalando não sei que desastre

a língua de limos

 

espalhávamos sementes de cicuta pelo nevoeiro dos sonhos

as manhãs chegavam como um gemido estelar

e eu perseguia teu rasto de esperma à beira-mar

 

outros corpos de salsugem atravessam o silêncio

desta morada erguida na precária saliva do crepúsculo

Al Berto

O Medo

Lisboa, Assírio & Alvim, 1997

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: