Publicado por: Filomena Barata | Maio 29, 2009

>Versos para ser caluniado

>

«Debrucei-me esta noite sobre o teu sono.
Dormia o corpo casto sobre o lençol
E vi, como alguém que lesses estudioso,
Ah! vi que tudo é vão sob a luz do sol!

Paul Verlaine, Poemas Saturnianos e Outros
cit. in Diário 2008, Assírio & Alvim

http://www.youtube.com/get_player

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: