Publicado por: Filomena Barata | Março 14, 2009

Bom fim do dia com a Chavela Vargas e com o mais belo tango que vi dançado

http://ahref=



Talvez fosse ver como se pode cantar e dançar bem, nem que a água salgada me escorresse no rosto ao movimento de cada passo!
Ou com o seu som de companhia iria viajar, mesmo que no mesmo lugar.
Quem sabe abriria uma garrafa de champagne para melhor os escutar .

Hoje fugiram-me as palavras, apenas posso calar.
Não queria nenhum lugar

viajava ao longo dos anos para mais longe

sem nada de muito claro

sem pedidos de socorro

implacável nessa forma de gentileza

tão própria a quem não ousa

José Tolentino Mendonça, A Noite Abre Meus Olhos (poesia reunida)

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: