Publicado por: Filomena Barata | Janeiro 27, 2009

>A Marta Wengorovius

>

Que bom é reencontrar velhas amigas que, sem querer, o tempo ou a distância afastou.

Um dia, há quase 25 anos, conhecemo-nos, porque nos deram uma boleia de regresso do Algarve para Lisboa, pois a Sagres tinhamos ido assitir a um concerto de amigos comuns.
Durante anos víamos-nos com muita constância.
Dela conservo desenhos e algumas pinturas, como este.

Agora, para além de breves encontros em exposições ou em casuais momentos de compras, voltámo-nos a ver, mas desta vez em sítio virtual, o Facebook.
Mas a vida é o que é, e reconheci a Marta de sempre. E que belo é o nome desta exposição: Objectos de errância.

Para quem quiser conhecer o seu trabalho:
http://www.martawengorovius.com

Objectos de Errância, Superficie

O conceito de Superfície – a pele perfomática baseia-se em duas ideias chave: Reprodução e Pele.

O conceito de Superfície – a pele perfomática baseia-se em duas ideias chave: Reprodução e Pele. Espalhar o manto, desmultiplicando a imagem, estendendo a superfície, pintando e cobrindo como a neve, o mundo. Atravessando. A pele Superfície é uma perfomance nesse sentido. Ora, se o gesto que antecede esta obra é um pincel em passeio que une-ata aquilo em que toca aqui, nesta obra, ela baseia-se sobretudo na capacidade de reprodução e aplicação de uma superfície no que vai “invadindo”.
citação e imagens (à execpção de the blue ….):
http://www.martawengorovius.com

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: